Dicas para empreender o seu negócio de pintura de parede

Educação financeira: como ensinar o seu filho a cuidar de seu dinheiro
14 de outubro de 2019
6 dicas para empreender o seu negócio home office
7 de novembro de 2019

Para ter sucesso no negócio de pintura de parede é preciso mais do que talento para o ofício, é necessário um certo conhecimento em plano de negócios. Para isso, é imprescindível que o profissional conheça bem a sua área de atuação e o seu perfil de cliente.

Entender outras questões que envolvem o seu trabalho também têm a sua importância. É exatamente por este motivo que o Banco do Vale, como apoiador e incentivador destes profissionais, traz três dicas estratégicas para empreender e inovar no seu negócio de pintura de parede. Confira a seguir:

1. Saiba fazer o seu marketing pessoal

Entende-se que o marketing pessoal é evidenciar a sua imagem profissional, mostrando suas qualidades, seus feitos e suas conquistas. Neste contexto, ressaltamos a importância do portifólio, que dá a possibilidade de reunir e organizar diversos trabalhos. Hoje é possível produzir os mais diversos estilos de portifólio, além de disponibilizá-lo no formato impresso, digital e on-line.

Outra questão a ser pensada é a apresentação do seu trabalho. Saber promovê-lo também é importante. Por isso, tenha em mente qual será a sua abordagem ao enviar o seu portifólio por e-mail ou em uma reunião com o cliente. Este primeiro contato é de extrema importância para você se destacar e fechar a venda do seu serviço.

2. Entenda de gestão de custos

Pintura de parede vai muito além de comprar tinta e pincel. Dependendo da necessidade, o seu cliente precisará arcar com custos de pincéis, rolos, tintas, seladores e removedores. Isso qualquer profissional desta área já deve saber. Porém, o que se faz importante neste item da nossa lista é saber colaborar com o orçamento do seu cliente. Busque fazer uma pesquisa de produtos que tenham um bom custo-benefício, que tenham qualidade para que não interfiram no resultado do seu trabalho, nem que deixem o seu cliente no prejuízo devido a gastos excessivos.

Além disso, prestar contas é uma excelente estratégia para ganhar pontos, demostrando transparência, confiança e responsabilidade. Desta forma, há a possibilidade de fechar futuros negócio com este cliente novamente e até mesmo ser indicar para amigos e parceiros.

3. Seja um profissional flexível

Atentar-se à necessidade do cliente é de grande importância para se fechar mais negócios. Saiba ouvi-lo e analise a possibilidade de atender eventuais particularidades, como por exemplo horários não-comerciais de trabalho.

Outra questão que pode surgir é quanto à forma de pagamento. Seja maleável, mostre empatia e esteja apto a negociar esta parte do acordo, para que ambos estejam satisfeitos com a forma que este trabalho será realizado.

Estas dicas são poderosas para moldar o profissional que busca empreender seus negócios, inovar na profissão e alavancar sua renda. Mas também prepara o profissional para fechar negócios em situações atípicas do dia a dia. E se precisar de uma ajuda extra, conte sempre com o microcrédito do Banco do Vale, que foi feito para você.