Por que é um bom negócio investir em franquias em 2020

O senso de pertencimento nos move
28 de novembro de 2019
Inclusão digital: a influência da tecnologia no convívio familiar
4 de dezembro de 2019

Entra ano e sai ano, a ideia de montar o próprio negócio vem à cabeça. Muitas das vezes motivada por liberdade e autonomia. Mas, ao mesmo tempo, o receio de começar um empreendimento do zero acaba gerando dúvidas. Se você se vê neste impasse, saiba que investir em franquias pode ser uma alternativa interessante.

Por um lado, iniciar um negócio do zero requer maior investimento em promover a marca e conquistar clientes, para depois de muito trabalho ver o lucro. Por outro, investir em uma franquia que já tem reconhecimento de marca é meio caminho andado para a tão desejada estabilidade financeira. Por estes e outros motivos, ser franqueado é uma ótima opção de empreendimento para 2020.

Quais os primeiros passos para abrir uma franquia

Antes de qualquer decisão, é importante levar em consideração se o negócio corresponde ao seu perfil. No geral, franquias já possuem políticas pré-determinadas, necessitando que o franqueado se adapte às normas. Por este motivo, investidores muito criativos e dinâmicos podem acabar se frustrando com estes padrões estabelecidos e às vezes engessados.

Após decidir que este tipo de negócio é a sua área, é hora de dar atenção à parte burocrática, que envolve conhecer as diretrizes para se abrir uma franquia empresarial dentro da lei. Também é importante estar a par do investimento inicial necessário, que pode variar de acordo com o segmento, tamanho do estabelecimento e região da cidade a ser instalado.

5 segmentos de franquia para investir em 2020

1.Serviços

Existem incontáveis formas de prestações de serviços neste segmento, o que é algo muito positivo se levarmos em conta a concorrência. Além disso, este ramo apresenta constante crescimento, principalmente em se tratando de franquias, que já contam com reconhecimento de marca e público estabelecido.

2.Vestuário

Dentre as opções, o setor de vestuário é um dos mais concorridos. No entanto, o seu crescimento é constante. Por se tratar de um produto que se vende por si só, o franqueado precisa investir em outras questões, como promover a nova franquia, ofertas e promoções para atrair mais clientes.

3.Beleza e estética

Se o que você busca é uma segurança a mais, a franquia de beleza e estética pode ser o seu ramo. O público de salão de cabeleireiro e de clínicas de estética é mais consolidado, o que indica que, mesmo em épocas de pouca demanda, raramente surjam prejuízos que comprometam os negócios.

4.Educação e turismo

Trata-se de um modelo de franquia que pode unir dois segmentos em um só. As agências de intercâmbio são uma ótima opção se você gosta de um negócio amplo. Neste tipo de franquia o público já é segmentado e a demanda é grande, inclusive possibilitando parceria com escolas de idiomas, que podem ajudar a captar novos clientes em potencial.

5.Rastreamento veicular

Agências de rastreamento de carros estão em crescimento exponencial. Este negócio começou em grandes metrópoles e ganhou cada vez mais adeptos, passando a virar franquias em cidades menores.

Se estes segmentos ainda não são exatamente o que você busca, sempre há novas possibilidades, principalmente pelas tendências mercadológicas que mudam constantemente. Para isso, informe-se com as principais fontes de notícias sobre economia e empreendedorismo. Acompanhe colunistas e especialista da área e, se possível, faça networking com empreendedores e empresários que descobriram o sucesso em novas franquias ou inovaram nichos de mercado.

O Banco do Vale apoia e incentiva novos negócios. Marque uma visita com nossos agentes e descubra como o Microcrédito pode te ajudar a entrar em 2020 empreendendo.